Opções para diversificação de investimentos

foto de cofres de porco
A diversificação de investimento tem como principal objetivo garantir a minimização dos riscos na hora de investir.

Quando o assunto é investimento, a maioria dos brasileiros ainda escolhe a poupança. No entanto, esta normalmente não é a melhor opção do mercado, uma vez que ela oferece baixa rentabilidade e, em tempos de inflação, pode até representar perda de dinheiro.

A boa notícia é que existem diversas opções de investimentos seguros e mais rentáveis que a poupança. Essas diferentes modalidades representam uma ótima oportunidade para realizar a diversificação de investimentos.

Qual a importância da diversificação de investimentos?

O maior dilema de qualquer investidor é escolher entre uma rentabilidade baixa com pouco risco, como a que ocorre nos fundos de renda fixa, ou uma rentabilidade alta com presença de altos risco — como ocorre com os ativos negociados na bolsa de valores. Com a diversificação de investimentos, é possível ter o melhor desses dois mundos.

O princípio da diversificação é investir em ativos que reajam de formas diferentes às mudanças do mercado, que muitas vezes são imprevisíveis. O objetivo é garantir a minimização de riscos: apesar de não eliminar por si só as chances de perda, esta é uma atitude que pode dar maior solidez às carteiras de investimento.

Dicas para diversificar os investimentos

Leve em consideração a região geográfica

Mesmo em um mercado altamente globalizado, ainda existem algumas opções locais de investimento. Isso significa que uma queda na bolsa do Brasil, por exemplo, não necessariamente irá se refletir na bolsa de Nasdaq, voltada exclusivamente para a tecnologia.

Além disso, mercados diferentes oferecem riscos diferentes. Investir na safra de soja, proveniente especialmente da região Centro-Oeste, é bastante diferente de investir no mercado imobiliário da cidade de São Paulo.

Considere os prazos de resgate

Diferentes opções de investimentos têm diferentes prazos para o resgate. Enquanto em algumas aplicações é possível obter retorno a curto e médio prazo, outras exigem um longo prazo para compensar o investimento, e o ideal é investir em todas essas modalidades. Ao fazer isso, o investidor deixa de depender diretamente das flutuações do mercado, aumentando suas chances de sucesso futuro.

Invista em diferentes moedas

Devido aos índices de inflação, a valorização do real é comprometida, e uma boa maneira de contornar esta situação é investir em moedas de economias estáveis, como o dólar, o euro, e o dólar australiano. O investidor não necessariamente precisa ser a compra de moeda, mas pode ser feito em ativos cuja rentabilidade está diretamente ligada à moeda. Para os mais aventureiros, vale levar em consideração o mercado Forex, de alto risco e no qual são negociados pares de moedas.

Imagem: © Depositphotos.com / lightsource

Compartilhe:

Envie sua mensagem e ligamos para você.

Formulário específico para quem deseja uma Vida Financeira Abundante e Próspera.

Tem Dúvidas?

Fale Conosco

(11) 3003-0439

Quer Saber Mais?

Mapa do Site

© 2016 Instituto Coaching Financeiro. Todos os direitos reservados.
Top