Até que ponto vale a pena financiar um automóvel?

foto de miniatura de carro, calculadora, papel e caneta em cima da mesa
Para saber se vale a pena financiar um carro, é preciso fazer uma simulação e ver quais são as taxas de juros oferecidas pelas concessionárias.

No momento de comprar um carro, é comum que muitas pessoas fiquem na dúvida se vale a pena financiar o automóvel. Por isso mesmo, antes de tomar qualquer decisão, é preciso conhecer e analisar as taxas e juros que estão sendo praticados no mercado e de que formas elas são repassadas para o consumidor.

É preciso ter em mente que, ao financiar um automóvel, o comprador terá que pagar os juros informados pela concessionária e todas as diversas taxas que estão incluídas nesse procedimento. Ou seja, antes de sair comprando um carro para pagamento em 60 parcelas (5 anos), analise o Custo Efetivo Total (CET) para descobrir o quanto você terá que pagar a mais em comparação ao valor do veículo à vista. Essa ainda é a melhor forma de saber o quanto você terá que desembolsar no total.

Como saber se vale a pena financiar o automóvel?

Simule o financiamento do veículo

Considere como exemplo o financiamento oferecido por uma concessionária para tirar um carro que custa R$46,8 mil à vista. O que a empresa propõe é que você financie esse automóvel e, para isso, você precisará dar uma entrada de R$ 19.750,00 + 35 parcelas de R$ 699 + residual final de R$ 13.920.

Nessa opção, você pagará R$ 58.135,00 pelo mesmo carro que, à vista, custaria R$ 46.800,00. Ou seja, no final do financiamento você terá pago R$ 11.335,00 a mais apenas por ter optado comprar o automóvel para pagar em 2 anos e 9 meses.

Caso você tivesse colocado a entrada de R$ 19.750,00 mais as parcelas mensais de R$ 699 e mais o residual final de R$ 13.920,00 em uma aplicação por 2 anos e 9 meses, com uma remuneração de 0,5% mensal, você teria lucrado R$ 10.173,62, além de não ter pago R$ 11.335,00 a mais pelo carro.

Ou seja, ao completar 2 anos e 9 meses da aplicação, você teria o valor de R$ 68.308,62 — que é R$ 21.508,62 a mais do que o valor do preço desse mesmo carro à vista. No entanto, seria preciso esperar mais de 2 anos para comprar o automóvel.

Veja as taxas que as concessionárias não mostram

Preocupadas em vender cada vez mais automóveis, é comum que as concessionárias não mostrem todas as taxas que fazem parte do financiamento. Por isso, tenha em mente que, além do juro mensal sobre o valor financiado, será preciso arcar com as despesas das taxas adicionais — como a Taxa de Abertura de Crédito (TAC), que custa entre R$ 500 e R$ 1.500.

Portanto, para saber se vale a pena financiar um automóvel, é preciso investigar as taxas e calcular os juros de financiamento do veículo, analisando o CET para saber qual será o custo total do veículo.  Essa informação, na maioria dos anúncios, é colocada em letras pequenas para que o consumidor não veja.

Imagem: Photobuay / iStock / Getty Images Plus

Compartilhe:

Envie sua mensagem e ligamos para você.

Formulário específico para quem deseja uma Vida Financeira Abundante e Próspera.




 

Fale Conosco

(11) 9 61107847

(21) 9 69389672

(11) 3230-2238

Mapa do Site

© 2016 Instituto Coaching Financeiro. Todos os direitos reservados.
Top