Veja a importância da educação financeira familiar para sair da crise

homem e mulher sentados olhando papéis
Uma das primeiras dicas para sair da crise financeira é ter registrado todos os gastos, inclusive os irrelevantes.

O Brasil tem vivido uma profunda crise financeira e uma recessão que não se via há décadas. Todos foram afetados por este cenário, especialmente os brasileiros de classe média. Mesmo que o indivíduo tente se educar financeiramente e controlar seus gastos pessoais, existem alguns gastos que são praticamente impossíveis de serem evitados.

Invariavelmente, todas as pessoas possuem gastos. Porém, a crise fez com que muitos desses indivíduos perdessem sua fonte de renda. Para lidar com esta situação, é preciso realizar uma educação financeira que contemple toda a família, tornando os gastos da casa e da família mais inteligentes e garantindo maior sobre de dinheiro para investir na carreira e escapar da crise.

O primeiro passo para sair da crise financeira é ter todos os gastos na ponta do lápis: registre todos os seus gastos, inclusive os que parecem mais irrelevantes — como um cafezinho ou um passeio. Divida as despesas entre as pessoas que têm alguma renda, inclusive seus filhos que já trabalham. O ideal é que as despesas assumidas por cada membro da família sejam proporcionais à renda do indivíduo.

Além disso, vale e pena definir aonde você quer chegar: quitar as dívidas, aproveitar uma viagem em família, investir na compra de um carro ou empreender são alguns objetivos que podem estar no seu planejamento de educação financeira.

Imagem: © Depositphotos.com / Wavebreakmedia

Compartilhe:

Envie sua mensagem e ligamos para você.

Formulário específico para quem deseja uma Vida Financeira Abundante e Próspera.




 

Fale Conosco

(11) 9 61107847

(21) 9 69389672

(11) 3230-2238

Mapa do Site

© 2016 Instituto Coaching Financeiro. Todos os direitos reservados.
Top